O Anjo da História

prof. Delmonte

História em pauta

História em Pauta é um projeto de pesquisa e divulgação das relações existentes entre história e música. Atualmente está abrigado neste site e conta ainda com um blog e aulas presenciais. As aulas, com cerca de noventa minutos cada uma, intercalam canções ao vivo, áudios, material iconográfico e contextualização histórica. As músicas apresentadas conduzem a narrativa - privilegiando aspectos políticos, socioeconômicos, literários e culturais. O projeto foi especialmente elaborado para vestibulandos e trabalha questões apresentadas no ENEM e nos principais vestibulares do país.

 

Resumo das aulas presenciais:

 

AULA 1 - 50 anos do Golpe Militar - Seguindo a canção (parte I) 

Pra não dizer que não falei das flores... (1959-68)

 

O contexto do golpe militar de 1964. Um amplo panorama cultural dos anos que antecederam 1964 até o Ato Institucional número 5 em 1964. O governo Juscelino Kubitscheck e o Plano de Metas; a renúncia de Jânio Quadros e a crise do governo João Goulart; o golpe militar e o início da ditadura; as 'vanguardas' musicais - Bossa Nova, Jovem Guarda, Tropicalismo, os festivais de música da TV; a atuação do Centro Popular de Cultura e da UNE; a cena teatral: Arena, Oficina e Opinião; o Cinema Novo. Repertório: Chega de Saudade, Quero que vá tudo pro inferno, Alegria Alegria, Roda Viva, Pra não dizer que não falei das flores, etc.

 

AULA 2 - 50 anos do golpe militar - Seguindo a canção (parte II)

Amanhã vai ser outro dia (1968-1974) 

 

Os Anos de Chumbo – O AI-5 e suas decorrências; a repressão; os exilados políticos; a censura e o desbunde no auge do Milagre Brasileiro; a Copa de 1970, os slogans desenvolvimentistas e o fim do Milagre. Repertório: Apesar de Você, London London, Cálice, Vapor Barato, Ouro de Tolo, etc.

 

AULA 3 - 30 anos das Diretas Já! - Seguindo a canção (parte III)

Brasil, mostra sua cara! (1975-1994)

 

O desmonte da ditadura; a Anistia; as “Diretas Já”; a Nova República; os Planos econômicos e o Neoliberalismo; o impeachmeant de Collor; FHC e o Plano Real.- Repertório: O bêbado e a equilibrista, Vai passar, Pelas Tabelas, Brasil, A Televisão, Inútil, 300 picaretas, Manguetown, etc.

 

AULA 4 - Abram alas que Gegê vai passar! (1930-1954)

 

A Era Vargas: o populismo e o processo de industrialização; as leis trabalhistas e as Revoluções de 1930 e 1932; o Estado Novo; o Brasil na Segunda Guerra Mundial; A Política da Boa Vizinhança; o Segundo Governo Vargas e a Petrobrás; a crise política e o suicídio de Getúlio.- Repertório: Com que roupa, Mulher Rendeira, Trem Blindado, Taí, Tico Tico no fubá, Chiclete com Banana, Bonde S. Januário, etc.